);

Transforma-te na outra pessoa e continua a partir daí

A maioria dos pais têm o desejo de que os filhos lhes obedeçam. Querem dar uma ordem, as crianças aceitam e executam. Muitos chefes sentem o mesmo.

“É importante manter as rotinas!” Lemos e ouvimos por todo o lado.

“É importante manter as rotinas!” Lemos e ouvimos por todo o lado.
Partilham-se ideias de horários onde está tudo tão bem organizado….

Se a tua segurança não vier de dentro, vais-te sentir sempre inseguro

No meu trabalho com famílias e mulheres vejo isto em ação diariamente, esta busca de algo que virá de fora “salvar-nos”…

Ama-me mais quando menos mereço.

Pergunto-me muitas vezes quando nos vamos deixar de focar tanto no comportamento das crianças e começar a focar no que causa o comportamento, na sua raiz, naquilo que o comportamento está a comunicar e expressar.

read more

Coragem – Uma ação do coração

Acho engraçado que não podemos ter coragem sem ter medo. O medo é um ingrediente essencial no encontro com a coragem. Sem medo, não precisamos da coragem. Muitas vezes quando pensamos em coragem pensamos em atos e feitos grandes.

read more

Ele não me ouve!!!!

Nestes últimos meses tenho estado a conversar muito com pais de adolescentes e com adolescentes. Curiosamente, de ambos os lados há queixas sobre o outro que são muito parecidas…. e uma que é igual. ”Ele(a) não me ouve!” 

read more

A roupa não tem género.

Sobre os porquês dessa escolha podemos refletir e também podemos questionar se roupa alguma vez teve género… Claro que a roupa não tem género. Somos nós que atribuímos o género à qual a roupa pertence através dos nosso filtros, preconceitos e das nossas crenças.

read more

A educação, a parentalidade e a violência doméstica

Nestes últimos dias não deve ter passado despercebido de ninguém as notícias sobre assédio sexual, sobre os julgamentos do juiz Neto de Moura e os números de mulheres mortas vítimas de violência doméstica em Portugal desde a passagem de ano. 12 mulheres, em 67 dias. Uma em cada 3 mulheres na Uniäo Europeia com mais de 15 anos já experienciou violência e/ou assédio sexual (por parte de uma parceiro ou homens desconhecido). […]

read more
X